quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

Caminhada de Tongobriga a Canaveses

Cerca de 50 caminheiros participaram na nossa caminhada cultural organizada no passado dia 2 de dezembro, encerrando assim o nosso plano anual de atividades. Esta pretendeu dar a conhecer um trecho da estrada que no período romano ligava duas importantes cidades - Bracara Augusta (Braga) e Emerita Augusta (Mérida, Espanha).

A caminhada passou por diversos locais de emblemático valor patrimonial da atual freguesia do Marco. Teve início na cidade romana de Tongobriga e terminou na igreja de São Nicolau, tendo sido efetuada ainda uma visita guiada à igreja de Santa Maria de Fornos, obra maior da arquitetura contemporânea, da autoria de Siza Vieira. 

Ao longo dos quase 10 quilómetros percorridos foram sendo realizados apontamentos históricos que revelaram o interesse daquela estrada para os romanos e que a sua utilização ao longo de quase 2000 anos por reis, mercadores, almocreves, mesteres, peregrinos e caminheiros, apenas se justifica na importância que era dada a esta passagem para quem transpunha o território do entre Douro e Tâmega, rumo às terras da Beira Alta e de Entre Douro e Minho. 

Em representação da Câmara Municipal, o Vice-presidente, Eng. Bruno Magalhães, endereçou uma palavra aos que se encontravam de visita a Marco de Canaveses, apelando para que se sentissem bem-vindos e que aproveitassem o que melhor tem o concelho para oferecer - a bondade das pessoas, a natureza e a gastronomia, e para que levassem o Marco de Canaveses no coração e voltassem sempre que o desejassem. 

Um agradecimento à Câmara Municipal de Marco de Canaveses, à Junta de Freguesia do Marco e à Estação Arqueológica do Freixo pela colaboração, as ofertas e o apoio logístico. 

Ao caminheiros um até já!

Sem comentários:

Publicar um comentário